O governo australiano reiterou seu compromisso de garantir que a Austrália atinja seu potencial como fornecedor global de minerais críticos depois da divulgação de um relatório da Geoscience Australia.

A estimativa conservadora do relatório mostrou que a Austrália poderia adicionar cerca de 9,4 bilhões de dólares de valor à produção mineral e metal do país através da produção de quatro commodities críticas – háfnio, nióbio, elementos de terras raras e escândio – de minas existentes e depósitos favoráveis.

Advertisements

Este é um aumento de cerca de oito por cento para o valor actual de 112,2 bilhões dólares da Austrália na produção de minerais e metais. Minerais críticos são metais, não-metais e compostos minerais que são economicamente importantes e vulneráveis ​​à interrupção do fornecimento.

De acordo com o Ministro dos Recursos e do Norte da Austrália, Matt Canavan, a Austrália estava bem posicionada para produzir riqueza extra significativa a partir de seus extensos recursos minerais e especialização em mineração de classe mundial.

“A Austrália já está demonstrando que pode atender às necessidades dos principais parceiros comerciais em uma série de minerais essenciais. Somos um dos cinco maiores produtores mundiais de antimônio, cobalto, lítio e terras raras, minerais classificados como ‘críticos’ pelos Estados Unidos, Reino Unido ou União Europeia. Ao investir em minerais essenciais, ajudamos a expandir nosso sector de recursos, impulsionando a economia do país e criando mais empregos”, disse

O relatório atribuiu créditos à principal especialização da Austrália em mineração e processamento metalúrgico, bem como extensos recursos minerais que provavelmente contêm minerais críticos. Isso deve proporcionar à Austrália a oportunidade de se transformar em um “fornecedor importante, transparente e confiável de minerais essenciais para a economia global”.

No entanto, algumas áreas-chave que precisam ser abordadas incluem conhecimento insuficiente de minerais críticos em depósitos australianos, poucos estudos geológicos dedicados a avaliar e facilitar a descoberta de recursos minerais críticos na Austrália e a necessidade de novas tecnologias e serviços de mineração para extrair os minerais economicamente. A Geoscience Australia, uma agência do governo para pesquisa em geociências e informações geoespaciais, encomendou o relatório em colaboração com a RMIT University e a Monash University

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.