A Syrah Resources, produtora de grafite com sede em Sydney e com operações em Moçambique, espera produzir a primeira grafita esférica purificada na sua fábrica de material anódico de baterias no estado americano de Louisiana, antes do final de Junho.

A matéria-prima virá da sua operação de grafite Balama em Moçambique, o maior exportador mundial de grafite natural.

Advertisements

A Syrah disse que uma grande revisão das especificações de uma planta comercial de material anódico, incluindo sua linha de produtos, foi amplamente concluída. Os principais resultados do estudo serão divulgados no segundo trimestre do corrente ano. o grafite esférico não purificada de uma planta piloto foi enviada a clientes não chineses para testes e aprovação.

A competição de grafite esférico natural da Syrah vem exclusivamente da China, dando-lhe uma oportunidade de desenvolver mercados na América do Norte e em outras partes do mundo.

Espera-se que os cronogramas de desenvolvimento para a fábrica de material ânodo de Louisiana sejam direcionados por opções de financiamento e parceria.

A operação de Balama da Syrah produziu 48.000 t de grafite natural no trimestre de Janeiro a Março e deve aumentar para 50.000 a 55.000 t no segundo. Espera-se que a produção para 2019 seja de aproximadamente 250.000 t em comparação com 104.000 t em 2018.

De referir que o grafite é um ingrediente essencial em ânodos para baterias de íons de lítio e também é usado em várias outras aplicações industriais.

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.